Ticket médio do restaurante: saiba qual é a importância e como calcular

7 minutos para ler

Lidar com os negócios não precisa ser uma tarefa difícil. No entanto, é fundamental que estejamos atentos a uma série de fatores para que esse processo seja não apenas mais fácil, mas também muito mais eficiente. Um dos pontos de atenção, nesse contexto, é o cálculo do ticket médio do restaurante.

Quem trabalha com alimentação também precisa estar atento às partes mais técnicas da gestão desse empreendimento, assim como a vários outros medidores de desempenho. O ticket médio, no caso, nos revela dados muito importantes sobre o relacionamento da clientela com aquele negócio.

Gostaria de saber mais sobre o assunto? Então, vem com a gente! Em nossa conversa, falaremos mais sobre o ticket médio, como: o que ele é, qual é a importância dessa métrica e como ele pode ser calculado. Boa leitura!

O que é o ticket médio?

Ticket médio é o nome dado a um importante medidor de desempenho de uma empresa. Ele não é válido apenas para restaurantes, mas sim para qualquer tipo de empreendimento que lide com vendas.

Em outras palavras, ele se refere a um valor médio para cada compra. Não refletirá, obviamente, a realidade, já que cada pessoa fará compras de diferentes valores em um estabelecimento. Mas é, como o nome já diz, uma média.

Esse cálculo é, como mencionado, uma das métricas mais relevantes para os negócios. Elas, como sabemos, são fundamentais para identificar se há possíveis problemas no fluxo de vendas, na gestão do empreendimento e em muitos outros fatores que não podem ser deixados de lado!

Como calcular o ticket médio do restaurante?

Calcular esse indicador de desempenho de um restaurante é muito fácil. Basta você pegar o valor obtido em todas as suas vendas e dividi-lo pelo número de transações feitas. Em síntese, a fórmula é:

Faturamento mensal dividido pela quantidade de vendas feitas naquele período

O cálculo pode ser mensal, semestral, anual… Isso dependerá de suas necessidades e do estilo de sua gestão financeira. O ideal, no entanto, é fazer planilhas que abranjam vários períodos. Assim, será possível identificar fatores ligados à sazonalidade, por exemplo, fazendo com que seja muito mais fácil direcionar estratégias para cada época do ano.

No entanto, independentemente da frequência, é importante que ele seja periodicamente refeito, para identificar alterações não só no resultado obtido, mas também em possíveis flutuações do número de vendas, além de outros pontos de atenção. Falaremos mais sobre isso a seguir!

Muitos gestores de restaurantes ainda não têm clareza sobre o que significa essa métrica e acabam respondendo: “meu ticket médio varia”. Mesmo que possa variar de semana para semana, ou dependendo do prato que está saindo, o ticket médio é, como o próprio nome já diz, uma média desses valores.

Qual é a importância dessa definição?

O ticket médio tem como importância a definição da média de dinheiro gasto por cliente em seus serviços. Como o cálculo envolve uma média padrão, esse resultado será uma espécie de média do que cada cliente consumiu em seu estabelecimento.

Portanto, se esse número fosse real — e não uma média —, ele refletiria o quanto cada uma das pessoas gastou ao ir em seu restaurante. Por isso, quanto maior o número, melhor! Ele nos dá informações como:

  • valor médio gasto por cliente;
  • número de clientes;
  • necessidade de ajuste de metas;
  • maior controle financeiro;
  • possibilidade de identificação de problemas variados;
  • ajuda na hora de realizar estratégias para melhorar os negócios, pois permite uma visualização prática da saúde financeira da empresa.

Tendo o ticket médio em mãos, será possível calcular o CMV (custo de mercadoria vendida) do seu restaurante e entender quais são as margens de lucro da sua operação.

Como aumentar o ticket médio?

Para aumentar o ticket médio do restaurante, algumas estratégias podem ser montadas. Veja a seguir.

Combos

E se todo mundo que pede um prato no seu restaurante também pedisse uma bebida e uma sobremesa? Melhor ainda: se ao invés de pegar um prato, com bebida e sobremesa, o cliente comprasse dois?

Ofereça combinações para aumentar o valor que cada cliente paga em média por pedido. Estude bem os seus custos para dar pequenos descontos em caso de uma compra maior.

Nos aplicativos de delivery esses descontos podem ser desde entregas gratuitas, até uma sobremesa extra grátis ou até promoções de “leve 3 e pague 2.”

Trazer mais variedades de produtos

As pessoas gostam de novidades. Por isso, trazer produtos diferentes para o seu cardápio pode ser algo extremamente eficiente na hora de estimular o cliente a gastar mais em seu restaurante.

Uma dica é investir em produtos sazonais. Além de aproveitar o fluxo comercial de certas épocas do ano, isso favorece o fator “exclusividade” de seu produto. Afinal, ele estará disponível por tempo limitado, o que estimulará a compra.

Investir em marketing

Ao investir em propaganda e marketing, você estará automaticamente trabalhando para melhorar o seu ticket médio.

Com esse tipo de estratégia, você captará novos clientes e inclusive reterá os antigos, fazendo com que eles percebam cada vez mais o valor de seu negócio e fiquem cientes, por exemplo, de novas promoções e alterações no menu.

Melhorar o relacionamento com o cliente

Trabalhar a sua relação com a clientela também é uma boa maneira de melhorar o seu ticket médio. Um cliente feliz, afinal de contas, estará muito mais apto a gastar em um estabelecimento ligado à alimentação!

Além disso, é importante mencionar que esse relacionamento mais próximo é um importante componente para o fator confiança, que também ajuda de forma considerável no aumento do ticket geral.

Trazer benefícios aos clientes

Por fim, uma dica para aumentar o ticket médio de sua empresa é investir em novidades e benefícios, que farão com que aquela pessoa se sinta seduzida a realizar compras em seu empreendimento. A valorização do cliente é fundamental, e ela pode ser feita por meio de estratégias como:

  • fazer clubes de assinatura, fidelidade ou de vantagens;
  • trazer descontos para os clientes mais engajados;
  • oferecer brindes;
  • fazer promoções inusitadas.

Todas essas estratégias têm como principal objetivo o engajamento da clientela no uso de seus serviços. Por isso, vale também ser inovador, buscando diferenciais que o destoem de todos os outros restaurantes do mercado.

Para chegar nesse resultado, nem sempre é preciso ir muito longe. Algumas mudanças pontuais, como a inclusão de um delivery ou de uma culinária mais inclusiva entre as opções de seu cardápio, já podem fazer toda a diferença no ticket médio de seu restaurante!

De todo modo, resumidamente, o principal caminho para aumentar o ticket médio é: conheça a sua clientela. Seja por meio de pesquisas ou pelo estreitamento das relações com o consumidor, é fundamental ser sempre inovador e ouvir o que o cliente tem a dizer.

Chegamos ao fim de nosso bate-papo! Aqui, descobrimos mais sobre o cálculo do ticket médio de um restaurante e ficamos por dentro de toda a sua relevância para um negócio desse tipo. Agora, é hora de pôr as mãos na massa e identificar qual é o ticket de seu empreendimento!

Para tirar as suas dúvidas sobre esse e outros assuntos referentes ao ramo de alimentação no mercado, não deixe de entrar em contato com a equipe Kitchen Central. Aguardamos a sua mensagem!

Posts relacionados

Deixe um comentário