Veja como ter mais inteligência de vendas no delivery com 7 dicas

7 minutos para ler

É realmente difícil fidelizar clientes do restaurante em um ambiente digital cheio de opções, não é mesmo? Os consumidores de hoje apresentam um perfil ainda mais exigente, fator que é incrementado pela influência da tecnologia.

Mais que um prato saboroso, toda a experiência é valorizada. Por isso, contar com a inteligência de vendas é tão importante. Esse recurso possibilita que você aprofunde seu conhecimento sobre o público, promovendo condições para o oferecimento de atendimento diferenciado e personalizado.

Pensando nisso, preparamos este conteúdo especial, com diversas informações sobre o conceito de inteligência de vendas. Continue acompanhando e fique expert no assunto!

O que é inteligência de vendas?

A inteligência de vendas é um conjunto de conhecimentos, recursos, metodologias, técnicas e práticas para ter mais informações sobre o consumidor e, assim, aumentar as vendas. São recursos para aprimorar a sua estratégia, refinando o marketing e estruturando ações de venda e atendimento mais certeiras e personalizadas.

O processo começa com a coleta de dados e a reunião desses registros em um banco de informações. Esse material é integrado e analisado e passa a ser utilizado na tomada de decisões, no marketing e nas vendas.

Como a inteligência de vendas funciona na prática?

A inteligência de vendas começa com as práticas de coleta de dados, por meio de entrevista com clientes, pedidos de feedbacks, cliente oculto e pesquisas com o consumidor do concorrente.

Esses processos de coleta de informação se apoiam no uso de tecnologia e da transformação digital, como os softwares de gestão integrada, os sistemas de gerenciamento do relacionamento com o consumidor CRM (Customer Relationship Management) e os softwares de Business Intelligence (B.I.). As tecnologias vão ser utilizadas ao longo do processo para gerenciamento dos registros, análises e tomadas de decisão.

Qual a importância do conceito de inteligência de vendas no delivery?

A inteligência de vendas no delivery permite promover a personalização nos atendimentos, com a possibilidade de traçar um perfil e identificar clientes em potencial. Os sistemas auxiliam a perceber sutilezas em comportamentos, equipando a equipe de vendas com dados estratégicos. Isso ajuda na definição de ações de marketing, contribui para as tomadas de decisão e viabiliza a realização de escolhas mais certeiras. 

O processo auxilia também na detecção ágil de falhas na estratégia e no aumento das vendas e da produtividade. Isso porque o banco de dados contribui para a análise e a extração de insights. Com isso, é possível antever ações de consumidores, tendo informações precisas no momento necessário.

Como ter mais inteligência de vendas no delivery?

A inteligência de vendas pode contribuir muito para melhorar o delivery e aumentar a margem de lucro do restaurante. Confira as dicas especiais sobre o assunto que separamos para você!

1. Conheça o perfil dos clientes a fundo

A inteligência de vendas demanda ter bastante informação sobre o cliente. Além de conhecer dados básicos, como nome, idade e profissão, é essencial saber também os hábitos de consumo, valores, vontades, preferências, frustrações e redes sociais que ele frequenta. Reunindo esse tipo de dado, é possível ter um nível relativo de previsibilidade do comportamento do consumidor, o que ajuda a criar uma abordagem e promoções personalizadas.

2. Analise dados

Os dados coletados devem ser cruzados e analisados, buscando a identificação de similaridades, diferenças e se há padrões no tipo de consumidor que procura o serviço de entregas. Conte com o apoio da tecnologia para esse gerenciamento de informação.

Por exemplo, se você trabalha com comida vegetariana e vegana, as preocupações com o meio ambiente vão ser uma constante no conjunto de valores do cliente. Assim, um ponto importante é que a embalagem para delivery não pode ser de isopor ou descartável, certo?

3. Faça ofertas personalizadas

Com informações precisas sobre o público, é possível criar ofertas personalizadas. Esse atendimento diferenciado pode ser um grande atrativo, contribuindo para a fidelização.

Para você que já tem um restaurante e começou a investir mais em delivery, vale começar essa estratégia com a base de clientes que você já conhece e que procura seus serviços com mais frequência. Assim, é possível testar quais iniciativas têm um impacto positivo e promovem uma boa experiência do consumidor.

4. Foque no cliente

O cliente deve ser o centro de toda a estratégia e da sua abordagem, não simplesmente os rendimentos. Os lucros são importantes, mas eles são alcançados a partir de um atendimento de ponta, um prato saboroso e de qualidade e a eficiência nos processos. Com um serviço de alto padrão, é possível fidelizar mais clientes e aumentar o marketing de indicação, o que contribui para a prosperidade do restaurante.

5. Aposte na geração de valor

A geração de valor em todas as etapas do trabalho ajuda a promover uma boa experiência para o cliente e também para o colaborador. A proposta é criar um ciclo virtuoso nas atividades, promovendo a saúde ocupacional e, ao mesmo tempo, investindo na máxima qualidade do serviço e da produção. O resultado disso é a geração de renda, prosperidade e uma visão positiva da marca no mercado.

6. Invista em treinamentos

Colaboradores capacitados ficam mais motivados para as atividades do dia a dia e conseguem realizar as atividades com mais precisão e agilidade. Os treinamentos são importantes também para a atualização de cardápio e para a aprendizagem de alternativas que podem ser mais construtivas para a qualidade do produto. Outra vantagem é que os treinamentos auxiliam a equipe no fornecimento de um bom atendimento. 

Quanto às tecnologias e recursos de inteligência de vendas, é essencial que os colaboradores saibam aplicar as técnicas e manejar os sistemas de informação. Além disso, é importante ter profissionais habilitados para a análise dos dados e a extração de insights a partir dos registros. Por isso, treinar é indispensável.

7. Conte com a ajuda da tecnologia

As tecnologias contribuem muito para a inteligência de vendas. Quando a companhia está começando e a base de clientes é pequena, é possível conduzir as atividades com processos manuais. Porém, rapidamente, os processos se tornam mais complexos. Para quem já tem mais experiência no restaurante e conta com um grande volume de entregas, é imprescindível contar com sistemas de informação para auxiliar na gestão do relacionamento com o consumidor, dos pedidos e do delivery.

O software exclusivo da Kitchen Central ajuda no gerenciamento dos pedidos e nas análises do delivery. Nós também oferecemos cozinhas comerciais otimizadas, preparadas exclusivamente para entregas. Essa é uma ótima alternativa para a expansão a um investimento mais baixo em relação a uma nova unidade com salão. Nosso software ainda contribui para otimizar negócios, promover a inteligência de vendas e auxiliar na modernização das atividades da empresa.

A inteligência de vendas é um conceito essencial para a expansão do restaurante. Para aumentar a presença digital, antes, é imprescindível contar com soluções e recursos adequados para fornecer atendimento e relacionamento sólido e de qualidade para o consumidor. Com uma estratégia consistente, é possível potencializar vendas, fortalecer a marca e maximizar a margem de lucro. A Kitchen Central pode te ajudar nesse processo, por meio das dark kitchens e do nosso software especializado para a gestão do delivery.

Gostou do conteúdo? Aproveite e entre em contato conosco!

Posts relacionados